Beja

Em tempos, chamada de Pax Julia, a cidade de Beja eleva-se imponente sobre a planície alentejana. Este foi o nome dado, no tempo do domínio Romano, por aqui ter sido selada a paz entre romanos e lusitanos.  É a capital do baixo Alentejo e o maio distrito de Portugal, com uma área 10.229 Km2.

 

Foi reconquistada aos mouros em 1162 e elevada a cidade em 1517.

 

Cidade de importância histórica, produz azeite e cortiça de grande qualidade, mais recentemente tem florescido o enoturismo.

 

Muitas são as razões para visitar Beja. O seu património, a sua beleza natural, a tradição, gastronomia, história e toda a sua cultura.

 

Beja tem uma população de aproximadamente 35.000 habitantes e ocupa uma área de 1.100 Km2 .

 

O distrito de Beja é composto por 14 concelhos: Aljustrel, Almodôvar, Alvito, Barrancos, Beja, Castro Verde, Cuba, Ferreira do Alentejo, Mértola, Moura, Odemira, Ourique, Serpa e Vidigueira.

O que fazer

 

A Praça da República é a principal praça da cidade, historicamente, sempre foi o centro comercial de Beja, aqui se encontram os actuais Paços do Concelho, vale a pena partir daqui à descoberta da cidade.

O Castelo de Beja, é o ex-libris da cidade e uma das principais atracções, trata-se de um local cheio de história, muito tranquilo e com vistas fantástica, especialmente se subir à Torre de Menagem. Esta torre, mandada construir pelo rei D. Dinis, no final do séc. XII,  é  um dos mais belos exemplos da arquitectura militar da Idade Média em Portugal. Com cerca de 40 metros de altura e 198 degraus, é considerada a mais alta  torre da Península Ibérica. Quando chega ao topo tem uma belíssima vista sobre todo o baixo Alentejo.

O Museu Regional de Beja (Museu Rainha D. Leonor), localizado no Largo da Conceição, possui um espólio arqueológico muito vasto, imperdível para o visitante de Beja, destaque para a capela barroca.

Outro museu, que vale a pena a visita, é o Museu Visigótico, como o próprio nome indica é um museu dedicado à arte visigótica, do seu acervo fazem parte peças muito interessantes.

Depois da visita aos museus pode passear pelo Jardim Gago Coutinho e Sacadura Cabral, apesar de pequeno o jardim é muito bem localizado e está sempre muito bem cuidado, é possível observar diversas espécies de plantas e vários pássaros. O lago e o coreto dão-lhe um toque especial.

Mais recentemente foi construído o Parque da Cidade, trata-se de uma zona verde concebida para funcionar como um espaço para toda a família, tem um lago central, jardins de água, de cheiro e de cores, para além de uma esplanada, parque infantil e pista de skate.

A Casa das Artes, situada no centro histórico de Beja alberga o museu Jorge Vieira e possui um importante espólio de esculturas e desenhos oferecidos pelo artista ao município de Beja.

Festas e Romarias

 

O Festival Terras sem Sombras, reúne, desde 2013, música, património e biodiversidade num acorde sereno, que soa para além da planície. Um festival de música sacra. Com o objectivo de partilhar o legado cultural e natural do Alentejo, o Festival dá a conhecer o que aqui há de mais fascinante, dos centros históricos às áreas rurais, da vida selvagem às etnografias locais.

O Terras sem Sombra tem um carácter itinerante porque persegue essa herança melódica, esse canto sublime do rouxinol eterno. O foco está na descentralização cultural, na formação de novos públicos e na irradiação do Alentejo. A programação, de livre acesso, integra, além dos concertos, “master classes”, conferências temáticas, visitas guiadas e acções de formação prática.

O festival decorre entre Maio e Julho e a sua programação está distribuídos entre: Vila de Frades, Serpa, Odemira, Mértola, Ferreira do Alentejo, Beja, Elvas, Barrancos, Sines e Santiago do Cacém.

A Ovibeja, é a maior feira agrícola do Alentejo, realiza-se no final do mês de abril no Parque de Feiras e Exposições de Beja, é uma feira que apela à participação activa tanto dos produtores/expositores como dos visitantes. É uma feira que, de acordo com a organização “…nasce na terra e se desenvolve na cidade”.  O programa da feira conta com diversas actividades desportivas, provas de vinho, mostras gastronómicas, espectáculos musicais, concursos de gado, etc. Todo o Alentejo deste Mundo está na Ovibeja.

Comer

 

Restaurante da Pousada Convento de Beja

O restaurante que foi, em tempos, o refeitório dos frades Franciscanos convida a apreciar alguns dos paladares tradicionais da gastronomia alentejana

Morada: Largo D. Nuno Álvares Pereira, 7801-901 Beja

Contacto: (+351) 284 313 580

 

Adega Típica 25 de Abril

Situa-se bem perto da Praça da República, a decoração mantém muitos objectos da adega típica que aqui funcionou no passado.

São servidos pratos tipicamente alentejanos e possui uma variedade enorme de vinhos alentejanos.

Morada: Rua da Moeda, 23 7800-464 Beja

Contacto: (+351) 284 325 960

 

Vovó Joaquina

Bom atendimento. Decoração bonita e acolhedora. A Perna de borrego com migas de espargos é excelente.

Morada: Rua do Sembrano, nº 57, 7800-487 Beja

Contacto: (+351) 961 302 815

 

Dom Dinis

Este restaurante apresenta como especialidade carne grelhada, selecionada, de Porco Preto, Novilho e Borrego. Carta de vinhos com muita qualidade e diversidade.

Morada: Rua de Dom Dinis, 11, 7800-350 Beja

Contacto: (+351) 284 324 142

 

Onde Ficar

Pousada de Beja – Convento de S. Francisco

A Pousada de Beja está localizada no antigo Convento de São Francisco na cidade de Beja, no Alentejo. Situada no centro da cidade a apenas 700 metros do castelo e a 200 metros do museu Rainha D. Leonor. A Pousada resulta de uma obra arquitetónica majestosa que representa a arquitetura religiosa e gótica em Portugal.

Morada: Largo D. Nuno Álvares Pereira, 7801-901, Beja

Contacto: (+351) 284 313 580

 

Herdade da Malhadinha Nova – Country House e SPA *****

A Herdade da Malhadinha Nova é um Hotel de Charme com 10 Quartos, que assenta na oferta de Experiências Temáticas, onde vinho e a Gastronomia assumem um papel fundamental.

Morada: Herdade da Malhadinha Nova, 7800-601 Albernôa – Beja

Contacto: (+351) 284 965 432

 

Beja Parque Hotel ****

O BejaParque Hotel é um hotel moderno, com um design arrojado e uma decoração irreverente. Aposta nas cores fortes e nos pequenos apontamentos contemporâneos que revelam o culto do pormenor e requinte do bom gosto. O hotel dispõe de 71 quartos totalmente equipados ao estilo moderno.

Morada: Rua Francisco Miguel Duarte, 1, Beja, 7800-510

Contacto: (+351) 284 310 500

 

Hotel Vila Galé Clube de Campo ****

O hotel Vila Galé Clube de Campo, perto de Beja, em pleno Alentejo, oferece um conceito único, aliando turismo rural, enoturismo e diferentes atividades ligadas ao ecoturismo.

 Morada: Herdade da Figueirinha – Santa Vitória, 7800-730 Beja

Contacto: (+351) 284 970 100

 

Hotel Francis ***

Hotel moderno com 45 quartos situado junto ao Parque de Feiras e Exposições.

Morada: Praça Fernando Lopes Graça, Lote 31, 7800-430 Beja

Contacto: (+351) 284 315 500

Gastronomia

 

O segredo da gastronomia do baixo alentejo é a imaginação e criatividade, bem como a utilização de ingredientes simples.

Desde sempre, nesta região, de grandes planícies, montados e olivais, predominou a produção de gado suíno, pelo que,  ingredientes como o pão, o azeite e a carne de porco, as ervas aromáticas como a salsa, os coentros, poêjo ou hortelã tornaram-se a base da sua gastronomia.
Os petiscos como os Pimentos Assados, os Torresmos, os Ovos Mexidos com Espargos Selvagens ou as tão conhecidas Migas, são utilizados como entrada de uma refeição ou como pequenos pratos em experiências de degustação.

No Alentejo a sopa sempre teve um papel preponderante, merecendo ser provada a sopa de Gaspacho, servida fria e feita com os saborosos tomates alentejanos, as Sopas de Cação ou Bacalhau com pão alentejano, também valem a pena provar. Mas em termos de sopas a rainha é a Açorda Alentejana, feita com azeite, água, alhos, ovo escalfado, pão e coentros.

As Migas com Carne de Porco Frita, as Migas com Bacalhau Desfiado e a Carne de Porco à Alentejana, são outros dos pratos típicos desta região.

Também muito conhecidos são os queijos de Nisa, Serpa e Évora (três regiões de produção), geralmente de ovelha ou de cabra e que merecem ser acompanhados com os Vinhos da Região Demarcada do Alentejo, nomeadamente os vinhos tintos da região de Borba, Portalegre, Redondo ou Vidigueira

No capítulo das sobremesas, merecem destaque as Trouxas de Ovos, os Pasteis de Santa Clara e as Queijadas de Requeijão.

Artesanato

 

Apesar da evolução, própria da passagem do tempo, o artesanato local continua a atrair visitantes.

O artesanato do concelho de Beja resume-se às peças de cerâmica, peles, cestaria, objectos trabalhados em madeira, cortiça e em vime, as rendas e as peças em barro também são objecto de muita procura.

O posto de turismo da cidade, o mercado e a Associação ARABE (Igreja da Misericórdia) são alguns dos locais onde se podem encontrar objectos de artesanato local.

 

 

Fotos

 

 

Mapa

Mais em Beja